As Rimas do meu versejar são veredas por onde vagueia a esmo a poesia, sem rumo, sem norte, cujo azimute é apenas um mote! (Silvino Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos
Título Categoria Data Leituras
O FADO DA DESGRAÇADINHA... Poesias > Social 27/10/12 3303
CRISTÓVÃO COLOMBO ERA PORTUGUÊS!... Teoria Literária 01/06/11 2003
O Soneto da Desgraçadinha Sonetos 10/10/10 1002
Os Flechas Angolanos... Artigos > Política 20/06/15 967
AUTO RETRATO DE BOCAGE... Homenagens 16/09/11 967
Homenagem a Um Retornado Angolano de Tras Os Montes... Homenagens 27/09/14 852
A Festa de Santo Ambrósio!... Homenagens 05/07/12 630
Toda a dor de um Emigrante... Poesias > Saudade 03/04/16 625
O GRANDE TRAIDOR Artigos > Política 11/02/11 624
A DOR DE UM "RETORNADO"!... Poesias > Recordações 07/10/10 606
A Minha Ida à Guerra do Ultramar Ensaios 04/10/10 603
A Lenda da Flor Das Estevas Contos 20/03/14 567
O Brasil foi "Achado" ou "Descoberto"!?... Artigos 12/05/18 500
Balada do Emigrante Luso (Quadras) Biografias 03/03/13 470
Retorno a Luanda (Os Tinhosos Retornados!!!) Crônicas 11/10/10 462
O Cancro Também Morre... Artigos > Saúde 07/09/10 418
OS CUANHAMAS!... (285) Crônicas 09/11/11 410
A PEDRA DAS CARAVELAS E OS CORNOS DOS VIKINGS Teoria Literária 15/05/12 398
Histórias (Tristes!...) de Emigrantes e Retornados... Biografias 18/07/18 367
Um Poema à Prima Vera Poesias > Amizade 05/11/10 367
Página 1 de 24 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [próxima»]