As Rimas do meu versejar são veredas por onde vagueia a esmo a poesia, sem rumo, sem norte, cujo azimute é apenas um mote! (Silvino Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos
Título Categoria Data Leituras
Dos tempos que eu não tinha dono!... Poesias > Recordações 12/08/18 57
Lembranças do Gueto "Aulgarveschwitz"!... Poesias > Reflexão 10/08/18 55
Um Poema P'ra Minha Mãe! Poesias > Saudade 30/07/18 25
Histórias de Emigrantes e Retornados (continuação...) Esta é a Minha Biografias 25/07/18 217
A Lingua de todos nós, Emigrantes Lusófonos!... Cartas 23/07/18 44
Homenagem Aos Amigos Editores da REVISTA LOGOS Homenagens 22/07/18 46
O tempo das segadas!... Poesias > Recordações 22/07/18 37
Alguns Livros da Minha Autoria Análise de obras 20/07/18 86
Histórias (Tristes!...) de Emigrantes e Retornados... Biografias 18/07/18 370
A Humildade faz Grandes Homens... Pensamentos 16/07/18 30
Uma Visita do Escambau!... Humor 29/06/18 37
Segredos Mal Ditos... Poesias > Recordações 24/06/18 14
O Livro Vermelho dos Cábulas Humor 21/06/18 28
De Alfandega da Fé ao Colonato da Cela... Crônicas 09/06/18 329
Fui Pastor em Trás Os Montes - Versão em Mirandês Homenagens 01/06/18 165
Fui Pastor em Trás Os Montes!... Homenagens 31/05/18 53
Um Fado de Volta ao Mar... Trovas 19/05/18 172
Os Cravos de Abril em Caravelas Poesias > Recordações 17/05/18 28
Requiem para um Presidente Cessante Poesias > Glosa 16/05/18 41
A Utopia de Ontem será Realidade amanhã!... Artigos 13/05/18 15
Página 3 de 25 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]