Se recordar é viver, então recordemos! --- Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores tristes de um passado já distante!
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos


Lembranças do Algarve...

De: S.S. Potêncio ....   Lembranças do Algarve
 
Das amendoeiras em flor, 
Eu tenho mil recordações...
Lá perdi um grande amor,
Que me levou p'ras minhas emigrações!
 
Do Algarve pequenino,
Verde, verde em sonhos vi...
Um futuro de menino,
Pelo muito que lá li!
 
Eram livros da biblioteca
Ambulante ou viajeira...
De tarde eu dormia um soneca
Só p'ra ler a noite inteira!
 
E dois anos se passaram,
Do Alvor a Monte Gordo,
De Sines até me chamaram...
Mas caí que nem um tordo! 
 
Em Março ainda bem cedo,
Do Alto do Caldeirão...
A serra desci sem medo,
E flores eu vi de montão!
 
Espalhadas na planura,
Das terras que vão dar à Praia...
Amendoeiras da minha amargura,
Mostram-me... segredos da tua saia!
 
Silvino Potêncio - Algarve/1976


 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 04/12/2012
Alterado em 15/01/2017
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários