A cultura de um POVO não pode, não deve NUNCA, se submeter a ideologias politicas ou partidárias muito menos financeiras ou económicas pois que; inspiração ou intelecto não se compra nem se se vende! É como o amor, já vem do berço!... (Silvino Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos



De: Silvino Potêncio > 

Toma!... estas são flores do meu Jardim.
Foi Deus que as criou,  e são belas...
São lindas!... e eu gosto muito delas,
E assim como espero que gostes de mim!
 
Gosto de flores amarelas,
E também de outras cores...
Quando posso durmo com elas,
E sonho com os meus amores!
 
São minhas as cores e modelos,
Das flores do meu pequeno Jardim...
Por isso as cuido com tanto desvelo,
Quando elas posam só pra mim!
(in: "POESIAS SOLTAS" )
 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 01/11/2013
Alterado em 12/04/2016
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários