Se recordar é viver, então recordemos! --- Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores tristes de um passado já distante!
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos




O PORTAL CEN (CÀ ESTAMOS NÓS) foi fundado pelo Saudoso Amigo Dr Carlos Leite Ribeiro, um dos Grandes contribuintes para o engrandecimento da Lingua e da Lusofonia, que reuniu Ilustres Poetas e Escritores dos dois lados do Atlântico. Sinto muito orgulho na minha participação mais ou menos regular por vários anos  e Hoje vos trago aqui um texto da minha autoria lá publicado anos atrás:

 De: Silvino Potêncio
 
Finalmente temos PAZ!...
E será que é pedir demais?
Que isto seja visto nos jornais,
Na rádio e no cantar de muitos jograis...
Ou é apenas a sensação de dar asas à imaginação!?
Dizia o poeta em seus versos!...
Porquê os homens são tão complexos?
Todos de ambos os sexos,  eles escrevem só por reflexos...
E deixam a todos perplexos?
Temos Paz em todo o lado,...
E será que eu estou bem ajuizado?
No soldado revoltado,
No guerreiro despreparado?
No politicamente mal formado,
Que nos rouba a PAZ do arado...
Que lavra e escreve (des)acordado,
Um poema sempre tão apaixonado!
Temos Paz de espírito acomodado.
Não!... não, eu digo mil vezes não!...
Não temos paz na palma da mão,
Porque ela ainda nem nasceu no coração.
Por isso ter PAZ é apenas uma ilusão,
É tão só mais uma poética decepção...
 - de quem vive a paz de uma REVOLUÇÃO!
(in:”POESIAS SOLTAS” De: Silvino Potêncio)

 
Original Publicado em: CEN – Cá Estamos Nós (Jan 2016) 
 

Silvino Dos Santos Potêncio - Delegado CEN em Natal/Brasil  


 
 
 
 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 24/09/2014
Alterado em 30/10/2018
Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários