O tempo é ouro!... e por isso eu agradeço a todos, Amigos e Leitores, por dividirem o vosso aqui comigo. E acrescento um pensamento do meu Livro - O ouro é como o amor; mata quem o guarda e vivifica quem o dá. (Gibran Khalil Gibran)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos


De: Silvino Potêncio   >>> A NOITE ...
 
De noite fico ao teu lado,
No teu regaço deitado...
Aquele que não é real... apenas imaginado!
 
Quando A noite vem e tu vais,
O meu coração solta ais...
Que eu não esqueço jamais!
 
Depois que a noite se apaga.
O dia e  o sol que me afaga...
E corta a minha carne, como adaga!
 
Tu vais embora, e a noite
Me fustiga em açoite
Da solidão... que o teu amor se afoite!  
 
(in: Poesias Soltas de Silvino Potêncio)

 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 06/02/2015
Alterado em 02/06/2015
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários