A honestidade do homem público se reflete mais nos actos e muito menos nos factos que, tantas vezes são adulterados pela mão dos que dela se aproveitam.(Silvino Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos



O Meu Livro-Album "Molduras em Pensamento... ou Pensamentos Emoldurados"! é uma colectânea minha a qual reune centenas de expressões filosóficas, provérbios e muitas afirmações futuristicas, Muitas delas são apenas frases de efeito, directa ou indirectamente relacionadas com o tema em contexto. São na verdade, citações cujos autores - incluindo eu mesmo -  que eu menciono e assino embaixo (desde que eu saiba quem são) que nos levam a reflectir sobre os outros, mas sobretudo sobre nós mesmos, cada um com a sua experiência de vida. 
O meu modesto conhecimento literário, principalmente dentro do contexto da Lusofonia dos muitos séculos que ela já tem de formatação ele é, na maioria das vezes, e se deve ao meu gosto pessoal por tudo que eu ainda não sei e/ou que não esteja gravado na memória. 
Contudo a introdução desta obra é absolutamente auto didacta e desde logo eu apresento desculpas por alguma errata, ou caso de erro ortográfico... ou até talvez erros de interpretação pois que;  "cada cabeça, sua sentença".
Afinal o ser humano pensa e, se pensa, certamente nem todo mundo pensa da mesma maneira. Seria absolutamente impossível existir se todos pensassem a mesma coisa... creio que esta verdade é uma constante da vida.  Por mais memória que se tenha, é impossível reter tudo e por isso eu costumo afirmar: quando morre um homem velho, enterramos não só um livro e sim uma enciclopédia completa - um relato de tudo o que cada um viveu. 
Memorizei isto em verso há muitos anos: 
Quem parte leva saudades,
Quem fica saudades tem.
Quando eu partir de verdade, 
Eu não direi nada a ninguém!!!
Por hoje deixo-vos aqui apenas algumas dessas molduras paridas do meu próprio pensamento, depois de mais de 60 anos desde que aprendi a ler, para depois me julgar em condição para escrever. 
Obrigado pela vossa visita. 





Nota: quando o livro estivér editado eu divulgarei aqui na página aos interessados na leitura. 
Bem hajam... 
Silvino Dos Santos Potêncio
Emigrante Transmontano em Natal/Brasil 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 20/02/2018
Alterado em 20/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários