A honestidade do homem público se reflete mais nos actos e muito menos nos factos que, tantas vezes são adulterados pela mão dos que dela se aproveitam.(Silvino Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos



Lembranças do "Aulgarveschwitz"!!!

Lembranças do Gueto “Aulgarveschwitz”!...
 
Eu...fui poeta em Quarteira, 
Depois “Retornado” em Portimão. 
Também fui Turista em Albufeira, 
E até fui Emigrante por Olhão. 
 - De Tavira a Vila Real
  Por lá andei com Santo António,
  E... deste nosso Portugal,  
    Só não excomunguei o demónio.
Que hoje nos inferniza
Na Serra do Caldeirão
- Às vezes sobe ao Alentejo
De Evora e Beja até Niza.
Mas quando chega a Tras Os Montes
O fogo bebe da água das fontes,
E não se acalma, não descansa…
Queima tudo, tudo a eito!...
E tudo por falta da Governança!
Desde Vila Real a Bragança!
 
(in: “Poesias Soltas” De Silvino Potêncio – Agosto/2018)
 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 10/08/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários