A simples condição de ser Emigrante Luso, é sobretudo uma excelente maneira de exercer o condão da paciência para algum dia poder voltar ao lar aonde nascemos. (Silvino Dos Santos Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos


A praga das PPP em Portugal



A praga das siglas e a letra “P” (de Psitacismo Português).
 
Recentemente eu acrescentei mais alguns “ps” (não confundir com sigla política; cruzes!... Credo!,… Canhoto!,… va de retrum!!!) dizia eu; acrescentei mais algumas “patacoadas” aos "pês" nos meus dicursos psitocismáticos relacionados com a política Portuguesa do momento e, na sequência surgiu-me aqui um texto antigo dos meus alfarrábios sobre a praga das PPP em Portugal.  
Mesmo com o aviso prévio dado pelo meu Excelente Amigo e Conterrâneo, Escritor Dr Jorge Lage, de que os textos grandes ninguém lê, eu me arrisco a republicar apenas as siglas. Isto porque, quem realmente tiver gosto pela leitura completa, terá de ter paciência suficiente para ler tudo porque, ninguém tem conhecimento suficiente para afirmar que sabe de tudo! Até porque tem muito "Corpo Docente" que nem sabe para que serve um canudo! (A rima é meramente acidental… questão de hábito para quem não é monge) iii… aatãon bamos lá:    
…  "Provérbios Portugueses Para Politicos Publicarem, Prevaricarem, Palrarem, Postularem Publicamente Para Papalvos Populares Poderem Participar Publicamente Pelo Pobre Portugal Paneuropeu Preteritamente Pertencer Permanentemente Prostrado Perante Parlamento Pestilento... Pobre Portugal! Psitomacia Pura Postulada Por Parlamentares Para Perenizar Posicionamentos Politiqueiros Para Povo Pasmado. Porisso Paremos Para Pensar!...
A praga das PPP é o maior cancro instalado em Portugal e em outros Países de índole Neo-Xuxializante durante as últimas décadas do Século Vinte, sobretudo após o “Golpe de Estado” que devolveu a liberdade para o capital explorar a sociedade trabalhadora,  debaixo de um novo plano mirabolante,  liderado por muitos oportunistas, ocasionais ocupantes de um Governo exdrúxulamente engembrado na trama do poleiro e da “ciranda” onde se aplica a técnica da convicção pré-programada "ad hoc" circunstâncias de momento!...
-  Sobe-se ao palanque e grita-se:  - aqui somos todos iguais, mas quem manda sou eu!
 - Trocando em miúdos: Implantou-se a politica do ... "Maria bai c'uas outras"!... e o POVO vai,...vai e não volta, ou seja;  escancarou as PORTAS Á CORRUPÇÃO DESLAVADA noite e dia>
Segundo um ícone do tal “MOVIMENTO DAS FORÇAS ARMADAS”, (mais tarde por conveniência mútua, chamado de REVOLUÇÃO dos cravos,  como se os cravos pudessem se rebelar!...) o então CAPITÃO VASCO LOURENÇO,  confirma-se aquilo que todos já sabemos,  mas poucos ou nenhuns nós NUNCA não fazemos nada para corrigir!
Citamos :
 >>>As PPP...
“As PPP são corrupção ou são um erro político”!?
--- Não, não. São corrupção pura e dura, crua. É impossível que não haja ali corrupção. Estes têm outros objectivos e estão a vender o país a pataco. A privatizar tudo. O que é criminoso em termos de interesse nacional. E temos uma situação que eu não percebo como é possível. Houve um tribunal alemão que julgou o processo dos submarinos e chegou à conclusão de que houve corrupção. Nós temos o principal responsável envolvido no processo da compra dos submarinos como vice-primeiro--ministro do governo de Portugal e em Portugal ninguém é preso. Como é que isto é possível? Como é que pode haver credibilidade de um poder que actua assim? Mas eu quero acreditar, ou melhor, faço muita força para acreditar que vai ser diferente se o PS ganhar. <<<
Fim de Citação
(texto extraído da entrevista concedida por este “Capitão de Abril” – data vênia-  aquando das comemorações dos 40 anos da tal LIBERDADE "condicional" que hoje vivemos).
As fotos anexadas a este "post" mostram um troço de Estrada no IP2 - localizado entre Bragança e Moncorvo à altura do trecho entre a Aldeia da Trindade, a de Caravelas e da Burga, no sentido Sul-Norte.
Quando se observa o mapa aéreo da malha rodoviária do Portugal de hoje, podemos ver muitos e muitos projectos iguais a este, onde salta à vista o desperdício do dinheiro público!...
A pergunta que não quer calar:> porquê construir um NOVO IP2 onde já existia outro?! 
Má administração dos governantes?...
Falhas Técnicas do Projectista da Junta Autonoma de Estradas?... A nosso ver, e penso que falo no plural em nome de muitos, isto foi apenas mais uma daquelas maracutaias do "dois pra mim e um pró diz-mo"!...
Agora, diz-mo quem executou o projecto,  e daí talvez se encontre o fio da meada que se chama PPPPPPP = PALAVREAMOS POLITICAS PUBLICAS PARA PORTUGUESES POBREMENTE POLITIZADOS PERMANENTEMENTE  etc e tal e coisa!
Recebam pois um abraço Transmontano e até breve!


 
Silvino Potêncio
Enviado por Silvino Potêncio em 21/12/2018
Alterado em 21/12/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários