A eternidade de cada texto ou até um livro, é a sequente futura ação do escritor que abriu o cenário com apenas uma letra. Por isso vos digo que a minha vida era um Livro aberto com as folhas soltas ao vento. De súbito, e não mais que de repente, aos 25 anos de idade, veio um tufão chamado Descolonização!... (Silvino Dos Santos Potêncio)
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
LinksLinks
Silvino Potêncio - Emigrante Transmontano em Natal
Escrevemos hoje as nossas alegrias para aliviar as dores de um passado já distante!(SilvinoPotêncio)
Textos
Título Categoria Data Leituras
A Praia do Marco do Descobrimento do Brasil Teoria Literária 16/03/19 181
Eu daria tudo o que sei... Discursos 09/03/19 39
Trovas Minhas a Trás os Montes e Alto Douro Poesias > Regionais 04/03/19 56
O seu a seu dono!... Análise de obras 01/03/19 32
Conversas Com o Poeta Bocage Poesias > Recordações 23/02/19 49
As Minhas Obras Literárias Análise de obras 06/02/19 43
Portugal tem dos melhores vinhos do Mundo. Cartas 28/01/19 30
Declaração de Amor à Lingua Portuguesa ... Cartas 23/01/19 29
Carta Aberta ao Senhor Presidente... Cartas 13/01/19 31
Ingleses!...Os "Amigos de Peniche"! Artigos > Música 12/01/19 32
As Minhas maiores 10 (dez)Ilusões Resenhas > Livros 05/01/19 71
Esperança!... A Fé que remove montanhas. Cartas 02/01/19 41
Ser Transmontano!... Análise de obras 22/12/18 53
A praga das PPP em Portugal Discursos 21/12/18 43
A Carta da Minha Professora Primária Cartas 20/12/18 75
Perfeito Palavreado Politico Português Tautogramas 20/12/18 26
Aonde estão os meus Amigos!? Crônicas 16/12/18 37
Eu... quem sou!? Análise de obras 16/12/18 27
A Feira da Ladra... ou a Feira da Virgem!? Cartas 15/12/18 27
Lembranças de Angola Biografias 15/12/18 83
Página 2 de 25 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]